Para pensar a degustação...

/
0 Comments

Para os que não conseguiram uma vaga na nossa primeira degustação comentada de espumantes, estaremos repetindo a dose no dia 13 de Dezembro. Enquanto isso, algumas citações para instigar o pensamento e o paladar!


“Só as pessoas sem imaginação não conseguem encontrar um motivo para beber champanhe.”
                                                                         Oscar Wilde

“Considero o espumante equipamento essencial à sedução.”

                                                                             Casanova

“Champanhe...o vinho dos reis, o rei dos vinhos”

                                                              Guy de Maupassant

“Na vitória merecemos; na derrota precisamos.”

                                                             Napoleão Bonaparte

“Bebo-o em somente duas ocasiões: quando estou   
         apaixonada e quando não estou apaixonada.”
                                                                        
                                                                        Coco Chanel

         “Preferi-lo às onze e meia da manhã quando meu paladar  
          ainda está puro e limpo.”

                                                                      Patrick Forbes

“Serviram champanhe gelado, e a sensação do vinho gélido em sua boca causou-lhe arrepios que correram da cabeça aos pés.”
Gustave Flaubert, Madame Bovary


          “O Bordeaux encontra analogia na pintura, o Borgonha na 

           escultura e o Champanhe na música, mais apropriadamente 
           na música barroca, que persegue a harmonia e busca o  
           equilíbrio.”

                                                                       Michel Onfray

           “Champanhe sim, filosofia não.”

                                           Kit Moresby em O céu que nos protege
           “Meu único arrependimento na vida é não ter bebido mais   
            champanhe”

                                                                 John Maynard Keynes




You may also like

Nenhum comentário: